A Vida e o Galho

Olá meu bom leitor.

Que tal um pequeno conto para hoje?

Já vou logo dizendo que estou bastante enferrujado e que há tempos não escrevo contos, estou em um projeto em que estou escrevendo um livro, então já viu né?! Mais um livro para a lista dos nãos publicados XD

Brincadeiras a parte, vamos voltar à antiga forma de um conto por semana e ir tocando o blog porque o propósito é sempre o de crescer!

A vida e o galho

– Do que adianta ficarmos aqui sentados? Ficarmos aqui pensando na vida como se ela fosse eterna?

– Para de ser idiota João.

– Pare pra pensar Felipe – disse estendendo os braços para frente e os abrindo para demonstrar que o que estava falando era algo grandioso – não somos nada na vida, nosso tempo é muito curto comparado ao tempo do mundo.

– Para de ser idiota João.

– Felipe você não está me entendendo, eu estou falando sobre a vida, o universo e tudo o mais. Este pensamento está tomando conta da minha cabeça, é sério não sei como fazer para parar de pensar nisso.

– Para João.

– Felipe pensa comigo, como eu posso pensar em parar de pensar sobre a vida e do que realmente somos se estamos aqui parados apenas vendo a vida passar por nossa frente.

– Para de ser idiota João.

– Cara, só me escuta se não eu te empurro daí. Só quero dizer que o mundo é muito maior do que isso que conhecemos, é claro que é maior não é possível que estejamos aqui somente para ver a vida passar.

– Para de ser idiota João e come está banana.

– Que? Como assim Felipe? Eu lhe falando sobre algo sério e você vem me oferecer uma banana?

Os dois começaram a gritar e a pular, um jogando banana em cima do outro e se empurrando do galho, quando um caiu e o outro saiu correndo para lhe arremessar mais bananas. Uma menina do outro lado do vidro pergunta ao seu pai:

– Pai, por que os macaquinhos estão brigando?

– Eles estão brincando, minha filha.

– Não pai estão brigando, olha como aquele joga a banana no outro! Foi igual quando eu joguei a batata cozida na cara do meu irmão porque ele estava me chamando de idiota por eu falar que a minha boneca tem vida.

– Não filha, eles estão brincando macacos não sabem o que fazem, eles só brincam e correm um atrás do outro. E eu espero que você nunca mais jogue nada em cima do seu irmão, ainda mais durante o jantar.

– Não vou fazer mais isso pai, mas que eles estão brigando eles estão, e aquele que está fugindo chamou o outro de idiota eu tenho certeza!

Tenha um ótimo ponto para ler!

Você irá gostar de ler também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *