Crítica de Livro | A Arma Escarlate

Olá meu bom leitor.

Hoje escrevi mais uma crítica literária, vamos falar sobre A Arma Escarlate da Renata Ventura.

Antes de começar preciso dizer que gosto muito de pessoas que sabem o que estão fazendo e durante a leitura isso fica bem claro. A Renata sabia exatamente o que queria fazer e cada detalhe do texto fez toda a diferença.

O livro é sobre uma escola de magia e bruxaria que funciona aqui no Brasil, sim aqui no Brasil, e ela fica situada dentro do morro do Corcovado no Rio de Janeiro. A autora é fã declarada da séria de Harry Potter e que resolveu nós dar uma escola para chamarmos de nossa e mostrar ao mundo dos bruxos e dos azêmolas (trouxas) de que o brasileiro consegue manter uma escola deste porte, claro que com um certo jeitinho.

Post 7Artisticamente falando o livro é excelente, a maneira como a Renata conseguiu usar alegorias brasileiras para deixar a historia ainda mais rica, como a entrada do mercado bruxo é pelo arco número onze dos famoso bairro da Lapa, ou da varinha do protagonista ser de Pau Brasil com um fio de Curupira ou ainda de ter uma Mula-sem-Cabeça que atormenta a escola sempre em dias específicos da semana. É genial.

Isso sem contar as referências históricas que deixam a história ainda mais legal de ler, como por exemplo da escola ter sido fundada em 1808 com a chegada da família real, e de que nos trópicos os feitiços apenas funcionarem em Tupi Guarani, Latim funciona somente na Europa ou se você quiser é só aprender Esperanto e fazer feitiços universais.

A história é muito agradável de se ler e te deixa preso do inicio ao fim, a trama foi muito bem estruturada e simplesmente bem escrita.

É possível notar nitidamente a influencia de J. K. Rowling sobre a Ventura que a cada página mostra o seu fascínio e domínio sobre o mundo escondido dos bruxos, coitados de nós pobres azêmolas.

Tecnicamente falando o livro é escrito com uma qualidade regular, tive até a impressão que a autora se preocupou em estudar sobre fluidez de roteiro, dinâmica de diálogos e criação de personagens redondos. Como eu disse lá no inicio, eu gosto de pessoas que sabem o que estão fazendo.

Por fim eu recomendo a leitura de A Arma Escarlate para todos os fãs de Harry Potter para que tenham mais um herói bruxo e também para todos que gostam de uma ótima leitura fantástica. Apenas um conselho fique de olho nos Easter Eggs que estão em vários momentos da narrativa.

Clique AQUI para ver a página do Facebook do livro.

Sinopse
“O ano é 1997. Em meio a um imenso tiroteio, durante uma das épocas mais sangrentas da favela Santa Marta, no Rio de Janeiro, um menino de 13 anos descobre que é bruxo.
Jurado de morte pelos chefes do tráfico, Hugo foge com apenas um objetivo em mente; aprender magia o suficiente para voltar a enfrentar o bandido que ameaça sua família. Neste processo de aprendizado, no entanto, ele pode acaber por descobrir o quanto de bandido há dentro dele mesmo”.

Livro: A Arma Escarlate                              Autora: Renata Ventura

Páginas: 485                                                  Editora: Novo Século

Capa: 8,50

Continuidade: 9,00

Personagens: 9,50

Cenários: 10,00                                             Nota Final: 9,12

História: 9,00

Narrativa: 9,00

Diálogos: 9,00

Revisão: 9,00

Você irá gostar de ler também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *